Como se origina uma ideia ? Como a mente humana pode ser facilmente manipulada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Como se origina uma ideia ? Como a mente humana pode ser facilmente manipulada

Mensagem por Bruno Ottoni em Dom 5 Jan 2014 - 14:31




O Filme Inception (A Origem) é um ótimo filme que fala sobre isso e também sobre Sonhos Compartilhados, Sonhos Lúcidos, é um dos melhores filmes que já vi na minha vida, além de explorar o conceito do sonho compartilhado, explora o conceito também de como é gerado uma ideia, ideias, decisões todos os dias mudam o mundo. Mas como é gerado a ideia dentro da mente ? Por exemplo se eu falar pra você :''Não pense em elefantes'' Você provavelmente vai pensar isso já gera uma ideia mas ela não é sua, ela não é original eu que sugeri pra você, mas como é gerado uma ideia própria, uma ideia original na mente humana ? Isso depende da pessoa, depende da personalidade da pessoa, o jeito que ela vê o mundo. O Filme a Origem nos da uma ideia sobre isso, resumindo o personagem principal Cobb é um ladrão de sonhos é especialista em invadir os sonhos conhecido também como extrator, um empresário contrata ele e Cobb tem uma missão de invadir a mente do poderoso empresário Japonês Salto, e com isso por meio dos sonhos criar uma pequena ideia na mente dele, como eles dizem plantar uma semente de uma ideia, e essa semente vai crescendo na realidade a ideia era pra esse empresário desconstruir o império do Pai, é um filme ótimo vale a pena assistir.

O filme "A origem" nos convida a refletir sobre as dimensões que a consciência humana pode alcançar. Assim como mostra o enredo da história, autores do campo da psicologia declaram há décadas que o tempo dos sonhos é diverso do real. Os sonhos se passam no compasso do inconsciente, que trabalha de modo cíclico e sincrônico, ultrapassando as barreiras de presente, passado e futuro.

Nos sonhos, as memórias reais são associadas com nossas sensações e projeções sobre a realidade, servindo unicamente ao processo de integração das experiências que nos mantêm vivos. Ser quem somos depende de entender e sentir o mundo do modo como fazemos. Portanto, sonhar é reconstruir o real de forma a manter nossa identidade preservada, poupando-nos da loucura de que cada fato encobre inúmeras realidades ambivalentes.

Sonhar é escolher a sua realidade possível, aquela que mais serve ao aprendizado do momento. Por isso mesmo, A Origem torna os arquitetos figuras centrais do mundo inconsciente. É preciso que nossos arquitetos mestres internos desenhem realidades plausíveis nos sonhos, pois, caso contrário, não aprendemos a lição deles, já que as nossas defesas racionais não nos permitem flutuar para além de um mundo seguro.






LIMIAR ENTRE REALIDADE E LOUCURA


Cobb, o personagem central da trama interpretado por Leonardo Di Caprio, banca seus riscos e vai ao limbo da mente, um estágio no qual o vínculo com a realidade é quase nulo. O limbo é onde nos esquecemos de quem somos e não podemos mais voltar para casa enquanto o encontro com nossa alma não ocorrer novamente. Nesse lugar perigoso da mente humana, os mestres-ladrões de sonhos perdem seus amuletos e não se lembram mais que estão sonhando. O limbo é o limiar entre a realidade e a loucura, um mundo quase sem volta.

Não é por acaso que o estágio-limite entre as dimensões de consciência no filme é cercado por água. As águas são o símbolo máximo da fluidez inesgotável do inconsciente, onde as emoções não oferecem lugar para a razão. A kombi vai ao encontro da água do rio no primeiro estágio de sonho. Eis o sinal derradeiro, não há tempo depois disso para o retorno. Mergulhar nas águas significa enxergar além dos muros da consciência e entregar-se ao abismo da loucura.

A fim de voltar para casa, assumir seu lugar de pai, retornar de seu mundo doente, distorcido e empobrecido pela necessidade de aprisionar memórias que um dia foram boas, mas que não servem mais ao momento presente, Cobb aceita inverter seu papel: no lugar de ladrão de ideias e memórias, ele se tornaria um insertor dessas ferramentas, aquele que planta uma simples ideia que pode mudar tudo, como ele mesmo repete por vezes durante o correr das cenas.


É fácil perceber a vulnerabilidade de nossa mente. Quantas pessoas vemos declinadas aos vícios de todos os tipos, sem ver saída de tal realidade destrutiva? Ou como não reconhecer a força de uma publicidade bem feita que nos faz ter desejos que antes não tínhamos? Sim, nossa mente é corruptível, manipulável, dominável. E uma simples ideia pode realmente inverter nossa percepção e alterar completamente a realidade.

MERGULHO NO INCONSCIENTE

Outro elemento bastante significativo no filme é que os sonhadores que se lançam juntos em um sonho são co-responsáveis uns pelos outros. É como a lei do carma, na qual as ações e reações de cada indivíduo afetam seus semelhantes que vêm viver juntos um enredo. O mundo inconsciente tem leis próprias e, ao que tudo indica, uma delas parece ser uma lei física: "a toda ação corresponde uma reação igual e contrária", em termos de frequência e intensidade.

Como vemos, mergulhar no inconsciente não é para qualquer um. Pelo menos, não para os acomodados ou covardes de alma. A metáfora do filme carrega um ensinamento: é preciso coragem e treino para lidar com a linguagem sutil do inconsciente, manifesta nos sonhos. Por isso, para compreender um sonho não é preciso consultar livretos de símbolos (embora muitas vezes eles ajudem nas percepções). Muito mais importante que esses manuais são as reflexões sobre os sentimentos, as paisagens, os personagens e outros tantos elementos dos sonhos que trazem um significado pessoal e íntimo a cada sonhador.

Buscar a origem é ir ao encontro de si mesmo em meio às marés instáveis da alma. É ter a coragem de ir além para voltar para casa reconhecendo sua própria força e luz. Quando sonhamos vamos além e quando acordamos temos a chance diária de voltar para nossa origem e aprender um pouco mais sobre quem somos.


A Mente Humana realmente sim pode ser frágil e fácil manipulada isso também se chama Alienação, o que devemos fazer é se libertar disso abrir nossas mentes, deixar nossa mente forte, treinar ela para não ser alienada. Isso é possível.
avatar
Bruno Ottoni
Administrador/Fundador
Administrador/Fundador

Mensagens : 77
Pontos : 7881
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/12/2013
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário http://www.johntitorworld.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como se origina uma ideia ? Como a mente humana pode ser facilmente manipulada

Mensagem por Edu em Dom 5 Jan 2014 - 19:13

Isso me lembrou Chaos;head tem um enredo parecido "porem parece mais leve que esse filme"
avatar
Edu
Moderador em Observação
Moderador em Observação

Mensagens : 37
Pontos : 6749
Reputação : 1
Data de inscrição : 23/12/2013
Idade : 19

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como se origina uma ideia ? Como a mente humana pode ser facilmente manipulada

Mensagem por Kouma em Dom 12 Jan 2014 - 6:09

Edu escreveu:Isso me lembrou Chaos;head tem um enredo parecido "porem parece mais leve que esse filme"
Chaos;Head em geral foi um anime que bagunçou muito com a ideia que quis passar, na verdade foi interessante o argunmeto do anime, os personagens por quais os autores queriam mostrar esse "argumento" é que eram muitos "insuportáveis" se é que me entende. Chega num ponto que fica tudo muito abstrato e a trama começa a apelar pra conveniência dos acontecimentos, enfim... É interessante a proposta e as alusões do anime, mas não vale a pena perder tempo assistindo.

Sobre o post Bruno, interessante ressaltar aqui que há também discussões sobre sonhos serem "memórias" de suas outras vidas em universos paralelos. Tenho curiosidade por isso porque algumas vezes já me peguei sonhando com eu ou minha mãe morrendo, sendo que o sonho era muito real.
avatar
Kouma
Membro
Membro

Mensagens : 4
Pontos : 6620
Reputação : 4
Data de inscrição : 07/01/2014
Idade : 20
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como se origina uma ideia ? Como a mente humana pode ser facilmente manipulada

Mensagem por Bruno Ottoni em Dom 12 Jan 2014 - 6:44

Kouma escreveu:
Edu escreveu:Isso me lembrou Chaos;head tem um enredo parecido "porem parece mais leve que esse filme"
Chaos;Head em geral foi um anime que bagunçou muito com a ideia que quis passar, na verdade foi interessante o argunmeto do anime, os personagens por quais os autores queriam mostrar esse "argumento" é que eram muitos "insuportáveis" se é que me entende. Chega num ponto que fica tudo muito abstrato e a trama começa a apelar pra conveniência dos acontecimentos, enfim... É interessante a proposta e as alusões do anime, mas não vale a pena perder tempo assistindo.

Sobre o post Bruno, interessante ressaltar aqui que há também discussões sobre sonhos serem "memórias" de suas outras vidas em universos paralelos. Tenho curiosidade por isso porque algumas vezes já me peguei sonhando com eu ou minha mãe morrendo, sendo que o sonho era muito real.

Interessante isso, cara como eu digo tudo é possível mas é uma teoria interessante. Também tenho muita curiosidade quanto a isso, mas sempre tive esse fascínio pelo o cérebro humano e a forma que a mente funciona ...
avatar
Bruno Ottoni
Administrador/Fundador
Administrador/Fundador

Mensagens : 77
Pontos : 7881
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/12/2013
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário http://www.johntitorworld.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como se origina uma ideia ? Como a mente humana pode ser facilmente manipulada

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum